Has no item to show!

Jeep Apoia 20ª Edição da Fenearte





 
Espaços da marca mostrarão a relação da Jeep com a cultura de Pernambuco durante evento que movimenta a economia do artesanato

 

Ao completar 20 edições, a Feira de Negócios do Artesanato (Fenearte) passa a contar com o apoio da marca Jeep, que continua a apoiar eventos que expressam a cultura de Pernambuco.

A feira acontece de 3 a 14 de julho, no Centro de Convenções do Recife, e gera negócios para o setor de artesanato que movimentam suas atividades durante todo o ano. Em 2018, foram R$ 43 milhões em negócios, gerando renda para cerca de 5 mil artesãos pernambucanos e de outros estados e países.

“Na Fenearte, a Jeep identifica o potencial de geração de trabalho e renda a partir do talento pernambucano. Apoiar a feira é valorizar as pessoas que fazem e a cultura popular”, destaca Antonio Filosa, presidente da Fiat Chrysler Automóveis (FCA) para a América Latina.

Na entrada principal da Fenearte, dois veículos Jeep produzidos em Pernambuco darão as boas-vindas aos mais de 300 mil visitantes esperados. Já no estande da marca, o espaço será totalmente dedicado às ações da Jeep junto às manifestações culturais de Pernambuco:

OFICINA DE CAVALO MARINHO

Os mestres Biu Alexandre e Rizoaldo ministraram a oficina que propunha a criação de um Cavalo Marinho Mirim, em Condado, Zona da Mata Norte de Pernambuco. Crianças e adolescentes receberam lições de dança, música, confecção de figurinos e sobre personagens desse folguedo natalino típico da Zona da Mata Norte.

LIA DE ITAMARACÁ

A Jeep registrou a história da cirandeira mais famosa do mundo em fotos e palavras, com a exposição e o livro “Lia de Itamaracá: 75 anos cirandando com resistência, sorrisos e simplicidade”. Uma justa homenagem a Maria Madalena Correa do Nascimento, Patrimônio Vivo da Cultura Pernambucana, Rainha da Ciranda e Diva da Música Negra.

OFICINA DE GAITA

Instrumento rústico e artesanal, a gaita é a principal guia das orquestras que tocam para caboclinhos e tribos de índios. Na oficina, coube ao mestre Tuti a confecção e a afinação das gaiatas e as aulas que ensinaram os brincantes a dedilhar; o mestre Ailton ensinou músicas e os diferentes ritmos. Os gaiteiros formados tomaram os postos oficiais de seus grupos já no Carnaval 2019.

OFICINA DE BORDADO

A Jeep convidou o mestre Manuelzinho Salustiano para ensinar as técnicas de bordado a 15 grupos de maracatus, índios e caboclinhos da região vizinha ao Polo Automotivo. Com Salustiano, os brincantes confeccionaram novos estandartes, que carregam a história, data e local de fundação e sua religiosidade. No Carnaval 2019, todos os grupos desfilaram seus novos estandartes financiados pela FCA.

EXPOSIÇÃO GOYANNA TERRA INDÍGENA

Os 15 estandartes produzidos na oficina de bordado foram expostos à comunidade de Goiana na exposição Goyanna Terra Indígena. Com as peças criadas e informações sobre cada agremiação ali representada, a mostra contou parte da manifestação cultural de Goiana

GALO DA MADRUGADA

Apoiando O Galo da Madrugada, maior bloco do mundo, a Jeep esteve presente pela primeira vez no Carnaval do Recife, aliança que tem tudo a ver a presença da marca no Estado: a festa é o maior atrativo turístico local, gerando renda e movimentando outros setores econômicos comércio e serviços.

BATALHA DAS HEROÍNAS DE TEJUCUPAPO

Encenada desde 1993 no distrito de Tejucupapo, Goiana, a “Batalha das Heroínas de Tejucupapo” reconta, todos os anos, a história através da ação corajosa de mulheres que defenderam sua terra, suas famílias e rechaçaram um ataque holandês.  A “Batalha” é revivida por de 200 atores voluntários e, em 2019, teve apoio cultural da Jeep, que apoiou a comunidade em que está inserida.

SÃO JOÃO DE CARUARU

A maior e melhor festa junina do mundo teve, em 2019, o apoio da Jeep. O festejo mais popular do interior de Pernambuco entrou para o calendário ainda na década de 1970 e, no último ano, movimentou mais de R$ 340 milhões no Estado, em 30 dias da programação que comemora o santo mais popular do mês: São João.

 

SOBRE A JEEP

Operando em Goiana desde abril de 2015, o Polo Automotivo Jeep já produziu mais de 600 mil veículos dos modelos Jeep Renegade, Jeep Compass e picape Fiat Toro. Os modelos se destinam aos mercados brasileiro e da América Latina, principalmente Argentina, México, Caribe, Peru, Colômbia e Costa Rica.

Atualmente, a operação emprega 13,6 mil funcionários, somando o Polo Jeep e o parque de fornecedores integrado, que conta com 16 empresas fornecedoras instaladas dentro do perímetro fabril da FCA. Tudo isso é resultado de trabalho, tecnologia e mais de R$ 10 bilhões em investimentos.

No Brasil, o marco da Indústria 4.0 no setor automotivo foi a inauguração do Polo Automotivo Jeep, que iniciou suas atividades já com um grande conjunto de tecnologias digitais de ponta, além de todos os processos de produção possuírem intensa conexão entre pessoas, máquinas e sistemas. E em busca de interação com a comunidade da qual faz parte, a Jeep também impulsiona o projeto de educação Rota do Saber e apoia diversas manifestações culturais. Lidera o segmento de SUVs pelo terceiro ano consecutivo e, em 2018, superou a marca de 100 mil unidades vendidas em um único ano no País. De cada cinco SUVs vendidos no Brasil, um é da marca Jeep. Oferece uma linha completa, composta pelos modelos Cherokee, Compass, Gladiator, Grand Cherokee, Renegade e Wrangler.

*Via Assessoria

0
0
0
s2sdefault
Top
We use cookies to improve our website. By continuing to use this website, you are giving consent to cookies being used. More details…